== Atualizações demoram, mas acontecem! ==

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Final Fight 3


Sem nenhuma dificuldade pode-se dizer que Final Fight 3 é um dos melhores Beat 'em Ups de SNES. Com certeza, se isso não fosse verdade, ele não seria tão lembrado e jogado como é hoje em dia.

Na minha opinião, o único Beat 'em Ups de Super Nintendo a altura de Final Fight 3, é Captain Commando ( em breve estarei falando dele também... eu acho ). Não que os outros sejam ruins, só que eu acho esses dois melhores.

Não precisa se alterar, é só uma opinião. Eu não disse que os outros são ruins, então se acalme!!

Final Fight 3 foi produzido pela Capcon (só podia ser da Capcon mesmo!) e lançado em dezembro de 1995.

A história se passa em Metro City. Após o fim da gangue Mad Gear, surge uma nova gangue chamada Skull Cross. Mike Haggar e Guy, que retornou de seu treinamento de artes marciais, são informados que a Skull Cross está causando um tumulto no centro da cidade. Haggar e seu amigo, Guy, se unem a Lucia, uma detetive da polícia de Metro City, e Dean, um lutador de rua que teve sua família assassinada pela Skull Cross, e vão até o local para deter a gangue.


Você pode escolher usar um dos quatro personagens citados: Guy, Haggar, Lucia e Dean.

Haggar é um lutador de wrestling (luta livre). É o mais forte dos quatro, mas bem lento.

Guy é um ninja. Possui força mediana e golpes rápidos.

Lucia é a única personagem jogável feminina. Seus golpes são de força mediana e rápidos, como os de Guy

Dean possui poderes elétricos. Tem força e velocidade próximas as de Haggar.

A jogabilidade é a típica de um Beat 'em Up, mas com algumas novidades. Cada personagem possui um golpe especial, que é feito através de comandos que são usados em jogos de luta, como Street Fighter.

Haggar Agarrão + + Baixo[26] + ( Y )
Guy Agarrão + Esquerda[39] + + ( Y )
Lucia + ( Y )
Dean Agarrão + + + ( Y )

Esses especiais só podem ser feitos após a barra de energia, que fica na parte inferior da tela, encher completamente e aparecer a palavra "Super".

Além dos especiais, existem outros golpes que podem ser feitos com comandos parecidos.


Diferente de outros jogos do mesmo tipo, nesse game você ainda tem a possibilidade de escolher um caminho diferente, podendo até evitar enfrentar o chefe da fase. Um deles é visto facilmente, os outros já devem ser descobertos quebrando uma porta ou outra coisa. Dependendo do caminho escolhido, você pode demorar ou chegar mais rápido até o chefe final. E é claro, uns são mais fáceis do que outros.

Não sei como é com a maioria das pessoas, mas, quando um game se resume a pancadaria, eu gosto de jogar com mais uma pessoa. Isso torna o jogo mais divertido. E em Final Fight 3, além de poder fazer isso, também existe a opção de jogar com um personagem controlado pelo computador.

Infelizmente a inteligência artificial do jogo não é lá grande coisa. E se você quiser que seu parceiro de luta chegue até o chefe final, vai ter que brigar muito para protegê-lo, do contrário, já na terceira fase, ou até antes, ele morrerá.

Final Fight 3 não é só um dos melhores do gênero, como também é um dos melhores do Super Nintendo. Um game que fez história e inspirou vários outros até a geração atual. Só podia mesmo ser de uma época em que jogos simples nos divertiam mais do que muitos jogos "super elaborados" com gráficos realistas que vemos hoje.

Com certeza esse é o tipo de jogo que faz valer a pena ainda ter um Super Nintendo em casa.

Nota: ★★★★★

Até a próxima!


Ao clicar em "Curtir" você curte a página morta do Jôgaros no Facebook, e não este texto!

3 comentários:

  1. Excelente review ADR, Final Fight é sem dúvida um dos melhores clássicos de todos os tempos.

    Ah propósito, você por acaso não conheceria um bom emulador para se jogar jogos da década de 90 pra baixo?

    ResponderExcluir
  2. Bom, eu uso esses:

    Super Nintendo - Zsnes 1.51 e Snes9X 1.51
    Nintendo 64 - Project 64 1.6 e Project 64 1.7
    Mega Drive - Fusion
    Game Boy - Visual Boy Advance 1.8

    O Zsnes é ótimo, já usei várias roms nele, a única que deu problema foi Mario RPG. O Snes9x não sei dizer, comecei a usar agora, mas parece ser bom, e falam muito bem dele.

    Sobre o Project 64, é bom ter as duas versões, sendo a 1.7 para o caso da 1.6 não conseguir rodar uma rom.

    Os outros, nenhum problema até agora.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...